'Papel é reunificar o Brasil’, afirma Pacheco ao parabenizar Lula e Alckmin

Por Nicole Angel, de Brasília

Foto: Reprodução TV Senado

O presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), se pronunciou na noite deste domingo após vitória de Luiz Inácio Lula da Silva (PT) no segundo turno das eleições de 2022. O congressista parabenizou não só Lula, mas também seu vice, Geraldo Alckmin (PSDB), e afirmou que ambos terão papel de reunificar o Brasil.
"Através da união, ações que são reclamadas pela sociedade brasileira, dando um basta ao ódio, a intolerância, ao desrespeito as divergências. Nós temos um país plural, diverso e o exemplo dos mandatários e o exemplo das instituições é fundamental que sejam dados pra que a sociedade brasileira possa se reunir novamente”, afirmou Pacheco.
Rodrigo Pacheco disse ainda durante seu pronunciamento que espera que Lula e Alckmin possam exercer mandatos com "dignidade", êxito" e "espírito democrático”. "Contribuindo para as efetivas soluções dos problemas reais do povo brasileiro”, completou.
Além dos cumprimentos a novo presidente e vice eleitos, Pacheco também fez um reconhecimento público a justiça eleitoral que, segundo ele, cuidou de promover, através das urnas eletrônicas as eleições no Brasil.
"E também, a mesma justiça eleitoral que, prontamente, buscou dirimir os conflitos, resolver os impasses e as lides que sucederam-se ao longo do processo eleitoral, sempre com muita agilidade, impedindo que insegurança jurídica pudesse contaminar o processo democrático eleitoral”, declarou Pacheco.
Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE