Em final brasileira, Filipe Toledo é campeão mundial de surfe pela primeira vez

Foto: Getty Images

Filipe Toledo superou o nordestino Ítalo Ferreira e se consagrou campeão mundial de surfe na quinta-feira (8). O resultado do confronto entre os brasileiros foi de 2 a 0 para Toledo, na competição do Rip Curl Finals, realizada em Lower Trestles, Califórnia (EUA).
Com mais uma vitória, o Brasil chega a seis troféus de campeão mundial de surfe. Foi o primeiro título de Filipinho, um de Adriano de Souza e de Ítalo e mais três campeonatos para Gabriel Medina. Toledo havia perdido a final no mesmo local em 2021, para o mesmo Medina.
Filipe já havia ficado entre os quatro melhores do mundo nas últimas três temporadas. O surfista fez a melhor temporada da carreira e dominou o circuito durante toda a campanha. Foi campeão em Bells Beach e Saquarema, este com direito a um 10 na final. Precisou passar por Kanoa Igarashi (Japão), Ethan Ewing (Austrália) e Jack Robinson (Austrália), para alcançar a final.


Ítalo, o adversário de Filipinho na final, chegou em Trestles como quarto no ranking.
Postagem Anterior Próxima Postagem