Militar da Aeronáutica atira na cabeça de colega dentro do Ministério da Defesa

Por Bahia Notícias

Foto: Igo Estrela/Metrópoles

Dois militares da Força Aérea Brasileira (FAB) brigaram durante a troca de turno no Ministério da Defesa, no sábado (19), por volta das 7h. Felipe de Carvalho Sales, de 19 anos, sacou uma pistola e atirou na cabeça de Kauan Jesus de Cunha Duarte. A vítima foi encontrada dentro do anexo da pasta, no piso térreo. O Corpo de Bombeiros foi acionado, mas o soldado já estava morto quando a ambulância chegou ao local.
Agentes do Instituto de Criminalística (IC) realizam a perícia no local. Como se trata de um crime militar, o inquérito será conduzido pela FAB, sem a participação da Polícia Civil do Distrito Federal. A coluna Na Mira apurou que a briga entre os militares com desfecho trágico teria ocorrido após discussão motivada pela troca de turno.
Por volta das 11h05, o carro do Instituto Médico Legal chegou para retirar o corpo de Kauan do anexo do Ministério da Defesa.
Através de uma nota, o Ministério da Defesa lamentou o que chamou de incidente. A pasta também prestou solidariedade à família da vítima e afirmou que acompanhará as investigações.
“É com profundo sentimento de tristeza e pesar que o Ministério da Defesa lamenta o incidente ocorrido, na manhã deste sábado (19.11), no alojamento da guarda, localizado no prédio anexo da Pasta, e que vitimou, por meio de disparo de arma de fogo, um militar da Força Aérea Brasileira (FAB)”, diz a nota.
“O Ministério rende as condolências aos familiares e amigos, pela irreparável perda. Neste momento de dor, a Defesa une-se às manifestações de solidariedade e de apoio à família, bem como acompanha a apuração e a investigação dos fatos, a serem conduzidas pela Força Aérea”, completa o texto. As informações são do Metrópoles.
Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE