Exército emite nota interna em defesa de generais do Alto Comando chamados de comunistas

O general Freire Gomes / Foto: Adriano Machado/Crusoé

O comandante do Exército, general Marco Antonio Freire Gomes, determinou o envio de nota ao público interno para alertar aos integrantes da Força sobre fake news que classificam como “melancias” generais do Alto Comando, informa o jornal “O Estado de S.Paulo”. Melancia é a designação dada a oficiais supostamente comunistas ou simpáticos à esquerda.
“Incumbiu-me o Senhor Comandante do Exército de informar à Força que, nos últimos dias, têm sido observadas postagens em aplicativos de mensagens com alusões mentirosas e mal-intencionadas a respeito de integrantes do Alto Comando do Exército”, diz a nota do Informe do Exército assinada pelo general José Ricardo Vendramin. O documento afirma que “tais publicações têm se caracterizado pela maliciosa e criminosa tentativa de atingir a honra pessoal de militares com mais de quarenta anos de serviços prestados ao Brasil, bem como de macular a coesão inabalável do Exército de Caxias”.
A mensagem diz ainda que “ao tentarem de forma anônima e covarde disseminar desinformação no seio da Força e da sociedade, esses grupos ou indivíduos atestam a sua falta de ética e de profissionalismo”. E conclui: “O Exército Brasileiro permanece coeso e unido, sempre em suas missões constitucionais, tendo a hierarquia e a disciplina de seus integrantes o amálgama que o torna respeitado pelo povo brasileiro, seu fiador”.
Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE