Padre Kelmon é criticado por artistas e rende piadas

Por Folhapress

Foto: Reprodução / TV Globo

O candidato do PTB à presidência da República Padre Kelmon virou piada nas redes entre anônimos e celebridades que assistiam ao Debate da Globo, na noite de quinta-feira (29), principalmente depois que a candidata Soraya Thronicke (União Brasil) o chamou de "padre de festa junina" e do embate ao ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT).
Famosos compararam Kelmon ao padre Adelir de Carli que morreu após voar preso a mil balões coloridos, em abril de 2008. "Socoooooorro, voltou o padre!!! O balão tá subindo, tá caindo a garoa!", tuitou a atriz Heloisa Périssé. "E a gente achando que o padre mais burro do Brasil tinha voado com balões. Na real foi o maior brasileiro de todos os tempos: vazou!", comentou o humorista Paulo Vieira no Twitter.
O humorista Marcelo Adnet escreveu nas redes que o presidente Jair Bolsonaro (PL) evita o embate com o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, escolhe D'Ávila e manda o padre para o abate. "Efeito Kelmon pau mandado pode virar contra Jair", escreveu nas redes. "Padre de festa junina", acrescentou.
Outras celebridades comentaram o comportamento do Padre Kelmon, que discutiu com os candidatos Soraya e Lula durante. "Calma Padre", pediu a atriz e empresária Paula Lavigne nas redes.
O youtuber e influenciador digital Felipe Neto disse que Lula chutou o balde ao chamar o padre de candidato laranja. "Lula chutou o balde! O senhor tá fantasiado! Fariseu", escreveu rindo dos comentários de Lula. O humorista Gregório Duvivier também gostou que alguns candidatos chamaram Kelman de padre de festa junina. "Amo Soraya feat. falso padre", tuitou.
O humorista Antonio Tabet postou um meme do padre tocando violão e cantando música "Ai foi que o barraco desabou", de Jorge Aragão. Na legenda ele escreveu: "Jorge Aragão tá puto no Debate da Globo".
Postagem Anterior Próxima Postagem

PUBLICIDADE