Estudantes de Enfermagem fazem visita técnica ao Hospital Materno-Infantil, em Ilhéus

Estudantes de Enfermagem da Faculdade de Ilhéus visita o Hospital Materno-Infantil, acompanhados pela Profa. Brenda Valles

Estudantes do curso de Enfermagem da Faculdade de Ilhéus realizaram, na última semana, uma visita técnica ao Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, situado no Bairro da Conquista, sob a supervisão da professora Brenda Valles. A atividade objetiva oportunizar aos alunos uma vivência prática nos campos de atuação do enfermeiro, para a consolidação do conhecimento teórico adquirido em sala de aula.
O Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, construído pelo Governo da Bahia, foi inaugurado em 6 de dezembro do ano passado e funciona como unidade de referência para a região Sul do Estado, em cirurgia pediátrica e parto de alto risco. Possui 105 leitos de internação, sendo 10 de UTI Neonatal e 25 de semi-intensivo, integrados à Rede Cegonha e atenção às urgências e emergências da região, durante 24 horas, com acesso por demanda espontânea e referenciada, integrada às unidades de atenção primária.
Profa. Brenda Valles e estudantes de Enfermagem em visita ao Hospital Materno

A comitiva foi integrada por estudantes do sexto semestre do curso de Enfermagem, através da disciplina Enfermagem na atenção à saúde da criança e do adolescente, ministrada pela professora Brenda Valles. A atividade ocorreu em virtude de parceria entre a Faculdade de Ilhéus e o Hospital Materno-Infantil, que prontamente atendeu à solicitação, após o cumprimento de requisitos necessários.
A visita guiada contou com a apresentação das instalações internas e operacionais dos setores do Hospital, com enfoque na atuação do enfermeiro nos diversos cenários: pronto atendimento infantil, enfermaria de pediatria, centro de parto normal, centro cirúrgico, alojamento conjunto, CME, UCINCo, UCINCa, UTI neonatal, dentre outros. Em seguida, os alunos confeccionaram relatório sobre a visita técnica.
Na opinião da professora Brenda Valles, “o ensino 'extramuro' é de grande valia no processo de formação. Permitir que os alunos consolidem o conhecimento teórico no campo prático, por meio de vivências, é uma ótima oportunidade para o despertar profissional. E poder conhecer o Hospital Materno-Infantil, que tem trazido tantos benefícios para a região devido aos excelentes resultados na assistência, sendo 100% SUS, só reforça o papel diferencial de uma equipe qualificada. O desejo é que eles se sintam estimulados a alcançar resultados semelhantes nas suas práticas profissionais, independente do campo de atuação, dentro do exercício legal da profissão", acrescentou.
Estudantes de Enfermagem com Leonardo Gramacho, coordenador da educação permanente do Hospital Materno-Infantil e a Profa. Brenda

Postagem Anterior Próxima Postagem

 PUBLICIDADE