Lula: ‘Mesmo com as tentativas de destruição do PT e da criminalização da política, estamos vivos’

Haddad, Janja, Lula e Gleisi 

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva participou na quinta-feira (10) da cerimônia de aniversário de 42 anos do PT. A cerimônia foi híbrida, com participação de convidados e dirigentes por vídeo.
Lula iniciou sua fala agradecendo e se emocionando ao citar petistas históricos, como o educador Paulo Freire e o sociólogo Florestan Fernandes. Em seguida, leu seu discurso.
“Apesar de todos os retrocessos que o país atravessa, temos o que comemorar no dia de hoje…Nossa força mostra o quanto sonhar e lutar vale qualquer esforço…Porque, antes de tudo, o PT é o partido do amor. Do amor ao Brasil e ao povo brasileiro”.
É com muito orgulho e muita alegria que comemoramos mais um aniversário deste partido que nós fundamos para dar voz ao povo brasileiro.
Infelizmente, o Partido dos Trabalhadores e das Trabalhadoras chega aos 42 anos num momento especialmente triste da história do Brasil, que nega todas as conquistas que realizamos ao longo dessas quatro décadas de luta.
Fundamos o PT para combater as desigualdades, a concentração de renda, a fome, a inflação, o desemprego, o atraso econômico, a subserviência do Brasil aos interesses estrangeiros. Combatemos, e vencemos, tanto na oposição quando no governo.
Levamos 22 anos para chegar ao governo. E em apenas 13 anos de governo, conseguimos o que nenhum outro partido, em qualquer momento da história, jamais foi capaz de realizar.
Foram tantos acertos, que os atrasados desse país se viram obrigados a dar um golpe e derrubar a primeira mulher eleita presidenta do Brasil. Continue lendo...
Postagem Anterior Próxima Postagem