Dívidas do Fies podem ser renegociadas a partir de 7 de março

Estudantes que tenham dívidas com o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) poderão renegociar os débitos a partir de 7 de março. A informação foi divulgada na quinta-feira (10) pelo governo federal.
O processo poderá ser feito pela Caixa Econômica Federal ou pelo Banco do Brasil. Dos 2,6 milhões de contratos ativos e formalizados até 2017, mais de um milhão estão com mais de 90 dias de atraso no pagamento, considerados inadimplentes. São aproximadamente R$ 9 bilhões em prestações não pagas.

Caixa

O estudante interessado em negociar as dívidas através da Caixa Econômica pode acessar o site e verificar se pode ou não pedir a renegociação conforme as regras estabelecidas.
A partir de 7 de março, cerca de 800 mil estudantes poderão pedir a renegociação de seus contratos de forma 100% digital.
Após aderir à negociação e confirmar se está apto, o estudante terá acesso à geração de um boleto para pagamento da primeira parcela ou, caso opte pela quitação de uma só vez, da parcela única.
Para mais informações, os estudantes poderão acessar o site da Caixa ou ligar para o telefone 0800-726-0101.

Banco do Brasil

As negociações pelo Banco do Brasil poderão ser feitas de forma digital, pelo aplicativo da instituição. Para aderir à renegociação pelo canal mobile, basta acessar a opção “Soluções de Dívidas” e clicar em “Renegociação Fies”. O estudante poderá verificar se faz parte do público-alvo, as opções disponíveis para liquidação ou parcelamento da dívida e os descontos concedidos, assim como os valores da entrada e demais parcelas.
Além do mobile, a contratação poderá ser realizada em qualquer agência do BB, com as mesmas condições.
Os clientes podem obter mais informações pelo aplicativo e site do banco, ou ainda pela central de atendimento ao cliente no WhatsApp (61-4004-0001) e nas agências (0800-729-0001).
Postagem Anterior Próxima Postagem