Casagrande vê possibilidade de título mundial da Seleção Brasileira ‘muito difícil’

A contagem regressiva para a Copa do Mundo de 2022 já começou e, para o comentarista Walter Casagrande, a Seleção Brasileira terá muita dificuldade em conquistar o hexacampeonato mundial. Em seu blog no portal ‘GE’, o ex-atacante voltou a escrever sobre a falta de um atacante decisivo na equipe de Tite e sobre a velocidade do futebol do time Canarinho.
– Como um apaixonado por futebol, ex-jogador e comentarista esportivo, acho muito mais difícil o Brasil ser hexacampeão. Mas não é impossível. Acho muito difícil porque a seleção brasileira tem um futebol muito lento, com pouca intensidade e sem agressividade na marcação e no ataque. Tudo isso em relação ao que vi do futebol europeu – explicou o comentarista do grupo Globo.
– Falta à Seleção um jogador que decida classificações e títulos, porque o que decide jogos nós já temos. Falta um centroavante de peso, de respeito, que as defesas adversárias olhem e fiquem assustados com o poder de decisão desse jogador. Não estou falando em número de gols, e sim do “peso” dos gols – acrescentou o ex-atacante.
Casagrande também falou sobre a falta de um ‘meio-campo mais dinâmico’ e criativo, e destacou a qualidade dos três goleiros da Seleção Brasileira: Alisson, Éderson e Weverton. O ex-atacante também elogiou a atuação de outros atletas, como o volante Casemiro, antes de relembrar a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.
– Vamos acompanhar toda a preparação e torcer para que ele ache o time titular com tempo para trabalhar, e que também coloque um esquema com alguma novidade para surpreender os adversários. Não podemos entrar na Copa do mesmo jeito que em 2018 – completou Casagrande.

About Bahia Extra

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Postar um comentário