Primeira Turma do STF forma maioria para manter prisão de Zé Trovão

Foto: Reprodução / Redes Sociais

A primeira Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) formou maioria para manter a prisão do caminhoneiro e militante bolsonarista Zé Trovão. O julgamento, realizado no plenário virtual da Corte, teve início na última sexta-feira (3) e deve ser encerrado nesta sexta(10).
Conforme divulgou o Portal Metrópoles, parceiro do Bahia Notícias, o relator do caso, ministro Luís Roberto Barroso, apresentou voto contra o pedido de prisão domiciliar com tornozeleira eletrônica. De acordo com Barroso, a decisão se embasou em uma questão processual. Não é cabível HC contra decisão de outro ministro da Corte. Isso ocorre porque Alexandre de Moraes já havia negado o pedido de Zé Trovão e mantido a prisão preventiva.
É importante lembrar que a 1ª Turma é composta por cinco ministros. Além de Barroso, votaram contra o pedido feito pela defesa do caminhoneiro as ministras Rosa Weber e Cármen Lúcia. Falta só o voto de Dias Toffoli, já que o ministro Alexandre de Moraes se declarou impedido de participar do julgamento, porque o pedido de Zé Trovão questiona um ato do próprio Moraes.
Zé Trovão está preso desde o dia 26 de outubro, quando se entregou à Polícia Federal em Joinville (SC), após passar algumas semanas foragido no México. O militante teve ordem de prisão expedida pelo Supremo no início de setembro, acusado de incitar atos antidemocráticos nas manifestações convocadas pelo presidente Jair Bolsonaro no último dia 7 de setembro.

About Bahia Extra

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 COMENTAR:

Postar um comentário