Presidente da Caixa manda funcionários fazerem flexões durante evento

Por Geovanna Bispo

Foto: Reprodução

O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, durante evento de fim de ano do banco, mandou que os funcionários presentes fizessem flexões.
Em vídeo, é possível ver diversos profissionais realizando o exercício sob contagem regressiva feito por Guimarães. As imagens geraram revolta por parte do Sindicato dos Empregados em Estabelecimentos Bancários e Financeiros. Em nota, a instituição considerou a situação “um verdadeiro cúmulo do absurdo”.
“É uma vergonha o que este Pedro Guimarães está fazendo com a imagem da Caixa. Ele está expondo os bancários ao ridículo, obrigando os empregados a uma cena humilhante para atender a seus projetos pessoais e políticos”, criticou o diretor do sindicato do Rio de Janeiro, Paulo Matileti.
O sindicato ainda afirmou que o banco tem adotado medidas de “cunho político eleitoral”, já que, segundo a instituição, os bancários do RJ estão proibidos de irem trabalhar com roupas vermelhas. O motivo para isso seria que Guimarães ”está de olho nas eleições de 2022”.
A Federação Nacional das Associações do Pessoal da Caixa Econômica Federal (Fenae) afirmou que repudia a ação proposta pelo presidente e pediu explicações à diretoria.
O evento onde ocorreu o acontecimento é um tipo de confraternização, onde vps, diretores e alguns empregados selecionados sob o critério da meritocracia são convidados. Ele tem duração de dois dias e está acontecendo na cidade de Atibaia, em São Paulo.

About Bahia Extra

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 COMENTAR:

Postar um comentário