Doria e Moro selam pacto de não agressão, mas não abrem mão de liderar chapa em 2022

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), e o ex-juiz Sergio Moro (Podemos), a firmaram um pacto de não agressão pelos próximos meses. Embora estejam com diálogo aberto, eles não abrem mão de encabeçar a chapa presidencial. A informação é de Bela Megale, do jornal “O Globo”.
O governador e o ex-magistrado combinaram uma nova conversa para a segunda quinzena de janeiro. Os dois acreditam que o cenário estará mais claro entre março e abril.

About Bahia Extra

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 COMENTAR:

Postar um comentário