Morre em Itabuna, aos 55 anos, o contabilista Celso Geraldo Filho, após cirurgia cardíaca


O contador e ex servidor municipal Celso Geraldo Filho, Celsinho, faleceu na madrugada desta sexta-feira (19), aos 55 anos. Celso estava internado no Hospital Calixto Midlej Filho, da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna, mas não resistiu a uma cirurgia cardíaca.
O contador trabalhou na Prefeitura de Itabuna, nas gestões de Geraldo Simões (PT) e Capitão Azevedo (PL), e também foi assessor parlamentar da Câmara de Vereadores na década passada. Foi, também, diretor da rádio Nacional. Celsinho lutava pela vida e fazia hemodiálise.
O corpo do contador está sendo velado no SAF, na Rua Juca Leão, em frente ao Grapiúna Tênis Clube. O enterro está previsto para as 16h desta sexta-feira.
O ex-prefeito Geraldo Simões lamentou a morte de Celsinho. “Deus acolha a alma de Celsinho e conforte a família e amigos”, escreveu Geraldo em redes sociais. A Câmara de Vereadores emitiu nota de pesar pela morte do contador

About Bahia Extra

This is a short description in the author block about the author. You edit it by entering text in the "Biographical Info" field in the user admin panel.

0 Comments:

Postar um comentário