RANKING COLOCA 49 PESQUISADORES DA UESC ENTRE OS MAIS INFLUENTES NA AMÉRICA LATINA

Para o reitor Alessandro Fernandes, ranking mostra grau de excelência das pesquisas feitas na Uesc

O Alper-Doger Scientific Index divulgou o ranking dos 10.000 cientistas mais influentes da América Latina. A lista inclui 49 pesquisadores da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc).
O levantamento considera os valores dos últimos 5 anos do índice i10 e do índice H, além da pontuação de citações no Google Scholar. O índice H quantifica a produtividade e o impacto de cientistas com base em seus artigos mais citados. Já o índice i10 se refere ao número de publicações citadas dez vezes em outros trabalhos acadêmicos.
Na Uesc, o ranking abrangeu 12 grandes áreas do conhecimento: Ciências Naturais com 19 pesquisadores; Agricultura e Silvicultura,15 e Ciências da Saúde, 9. Também estão inseridos professores de Economia, Educação, Engenharia e Tecnologia, História, Filosofia e Ciências Sociais.
O reitor Alessandro Fernandes de Santana destacou o grau de excelência das pesquisas desenvolvidas na Uesc. “Nós nos sentimos muito orgulhosos com esse resultado. Isso mostra o quanto os nossos docentes produzem pesquisa de qualidade”, disse.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário