Diego Dabove não é mais técnico do Bahia: ‘Correção de rumos’


O argentino Diego Dabove não resistiu à derrota para o Corinthians na noite de terça-feira (05) e foi desligado do comando técnico do Bahia. O clube emitiu comunicado nesta quarta-feira (06) alegando que precisava realizar uma “correção de rumos”. Guto Ferreira é cotado para assumir o Tricolor novamente após três anos, segundo o GE.
A passagem de Dabove pelo futebol brasileiro durou 45 dias, exatamente seis jogos à frente do Bahia. Com 28% de aproveitamento, o treinador argentino e os auxiliares Guillermo Formica e Walter Ribonetto, além do preparador físico Agustín Buscaglia deixam o Tricolor.

Confira a nota na íntegra:

O Esporte Clube Bahia comunica que Diego Dabove não é mais o treinador do Esquadrão.
“Precisamos realizar uma correção de rumos. Não era algo que a gente gostaria de fazer, lamentamos bastante a situação, mas se a gente decidiu mudar tão rápido é uma prova de que a escolha terminou se mostrando equivocada – não no sentido da qualidade do trabalho, mas do ponto de vista de conhecimento do futebol brasileiro e do contexto do clube. Fazendo um balanço do dia a dia, dos resultados e dos desafios que temos pela frente, entendemos que essa é a medida correta no momento”, explica o presidente Guilherme Bellintani.
Junto com ele deixam o Tricolor os auxiliares Guillermo Formica e Walter Ribonetto, além do preparador físico Agustín Buscaglia.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário