Reforços do Corinthians tiveram participação em 60% dos gols do time desde que chegaram

Diante do rival, os dois gols de Róger Guedes, que levaram à vitória por 2 a 1, comprovaram a importância dessas contratações, que trouxeram diferenciais para o Timão na temporada. No campo isso já é inquestionável, sendo torcedor ou “anti”, e nos números o impacto começa a ser bastante perceptível.
Desde o jogo contra o Santos, quando Giuliano fez sua estreia, até o Dérbi do último sábado, foram disputados oito jogos pelo Corinthians. Até aqui são oito partidas sem derrotas e dez gols marcados. Dessas bolas na rede, seis tiveram influência direta de Willian, Renato Augusto, Róger Guedes e/ou Giuliano.
No clássico contra o Peixe, o placar não saiu do 0 a 0, mas no duelo seguinte, com o Ceará, que marcou a estreia de Renato, o terceiro gol da vitória por 3 a 1 saiu de um passe de Giuliano para o camisa 8 fazer uma pintura na Neo Química Arena, iniciando a fase de influência dos reforços nos tentos do time.
Contra o Athletico-PR e contra o Grêmio, os gols marcados não tiveram a participação de Giuliano e Renato, que já estavam disponíveis. No entanto, na partida seguinte, diante do Juventude, na estreia de Róger Guedes, o atacante salvou um clube de uma derrota ao marcar um belo gol de falta no fim do jogo.
No duelo com o Atlético-GO, Róger voltou a figurar de forma decisiva, ao passar a bola para Gabriel Pereira fazer ótima jogada individual e marcar no empate em 1 a 1 fora de casa. No jogo seguinte, contra o América-MG, na Neo Química Arena, estreia de Willian, Giuliano marcou em jogada que o camisa 10 teve participação importante. A partida terminou empatada em 1 a 1.
Por fim, no clássico contra o Palmeiras, o Corinthians abriu o placar com um gol que contou com cruzamento de Renato Augusto, assistência de Giuliano e conclusão de Róger Guedes. O camisa 123 ainda foi decisivo ao marcar um golaço para decretar a vitória sobre o rival já nos minutos finais do jogo.
Em resumo, dos dez gols marcados nesses oito jogos, seis tiveram influência direta de pelo menos um desses quatro grandes reforços, o que significa 60% do total. Com esse número, é possível dizer o quanto eles já fazem a diferença em favor do Timão e o quanto de margem ainda há para melhora, uma vez que Willian, que tem jogado muito, por ora não teve participação nesses gols.

Confira a lista de jogos citados acima:

Santos 0 x 0 Corinthians – Sem participação
Corinthians 3 x 1 Ceará – Assistência de Giuliano para gol de Renato Augusto
​Athletico-PR 0 x 1 Corinthians – Sem participação
Grêmio 0 x 1 Corinthians – Sem participação
Corinthians 1 x 1 Juventude – Gol de Róger Guedes
Atlético-GO 1 x 1 Corinthians – Assistência de Róger Guedes para G. Pereira
​Corinthians 1 x 1 América-MG – Gol de Giuliano
Corinthians 2 x 1 Palmeiras – 2 Gols de Róger Guedes, 1 assistência de Giuliano

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário