ESTUDANTE DO INTERIOR DA BAHIA SOMA 26 PREMIAÇÕES EM OLIMPÍADAS DO CONHECIMENTO

Guilherme acumula premiação com o conhecimento

O estudante Guilherme Antônio da Silva Santos, de 16 anos, do município de Santana, no oeste baiano, vem se consagrando como um grande campeão nas olimpíadas do conhecimento. O jovem já contabiliza 26 premiações e a sua mais recente vitória foi a medalha de bronze na Olimpíada Internacional de Matemática da Ásia (AIMO).
Guilherme Antônio já ganhou um troféu; oito medalhas de ouro, três de prata e cinco de bronze; sete menções honrosas; e dois diplomas. “Gosto muito de participar de olimpíadas de todas as áreas, é uma experiência incrível. A AIMO, por exemplo, é uma olimpíada em inglês que testou o meu conhecimento em Matemática de uma forma especial, pois instigou a minha agilidade em resolver 30 questões em pouco tempo”.
O primeiro contato de Guilherme com olimpíada científica foi em 2017, na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (OBMEP). “No ano seguinte, ganhei minha primeira premiação, uma menção honrosa na OBMEP”, recorda, o aluno do 1º ano do Colégio Estadual Dom João Muniz.
Aquele foi o pontapé inicial e, desde então, Guilherme não parou mais. Em 2019, participou de novo da OBMEP e fez a Olimpíada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA), a Olimpíada de Inglês e a Bricsmath (competição internacional on-line de Matemática). “No ano passado, criei o grupo ‘Math show olympics’, para estimular mais estudantes a participar. Costumo dizer que as olimpíadas científicas mudam vidas, como mudou a minha. Só fazendo para saber”.

INCENTIVO AOS COLEGAS

A coordenadora pedagógica da unidade escolar, Ana Angélica de Almeida Carvalho, destaca a importância do incentivo de Guilherme para os colegas também participarem do universo das olimpíadas do conhecimento. “Por meio da participação nas olimpíadas que acontecem nas mais diversas áreas, os estudantes desenvolvem as suas habilidades, aprofundam os conteúdos. Por isso, estamos sempre os estimulando a participarem para além da competição por medalhas”, afirma.
Por meio do Programa Bahia Olímpica, a Secretaria da Educação do Estado potencializa a participação dos estudantes da rede estadual nas olimpíadas nacionais e estaduais em diversas áreas do conhecimento. Em 2020, o programa registrou 1.501.826 inscrições nas mais de 10 olimpíadas científicas, com a conquista de 842 medalhas por alunos baianos.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário