Autor da carta de Bolsonaro, Michel Temer usa episódio para reerguer imagem

Ao elaborar uma mensagem de pacificação de Jair Bolsonaro ao Supremo Tribunal Federal (STF) após os atos de 7 de Setembro com pautas antidemocráticas, o ex-presidente Michel Temer fez uma jogada de duplo efeito. Baixou, por enquanto, a temperatura da crise institucional, estimulada por Bolsonaro, e também capitalizou o papel de apaziguador para reposicionar a própria imagem. A reportagem é do jornal “O Globo”.
Temer deixou o governo como o presidente mais impopular da história, com apenas 7% de aprovação. Quase três anos depois, tenta agarrar uma oportunidade de obter um reconhecimento tardio de sua gestão e se notabilizar como uma espécie de conselheiro da República, chamado a palpitar em momentos cruciais. O excesso de exposição nos últimos dias, porém, suscitou a especulação de que o ex-presidente esteja traçando uma candidatura ao Planalto, o que ele nega até agora. Leia mais.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário