Incêndio florestal é extinto em Pilão Arcado, norte da Bahia, após três semanas de combate às chamas

Após 21 dias, o incêndio florestal que deixou rastros de destruição no norte do estado foi controlado. A informação foi confirmada na segunda-feira (30) pelo Corpo de Bombeiros, que agora realiza o trabalho de monitoramento na região.
Segundo o Corpo de Bombeiros, as chamas foram totalmente debeladas em Pilão Arcado, porém, o combate continua em Campo Alegre de Lourdes.
O incêndio começou no dia 9 de agosto, entre as cidades de Pilão Arcado e Campo Alegre de Lourdes. Ainda não se sabe sobre o que provocou as chamas e não há registro de feridos.
O incêndio começou no dia 9 de agosto, em localidades de Pilão Arcado e Campo Alegre de Lourdes. Moradores relataram que o fogo atingiu parte da fauna nativa. Cinco caititus (espécie de porco-do-mato) foram encontrados mortos na região de Baixão do Jacu.
Entre as localidades, o fogo atingiu áreas de vegetação na região de Peixes, que fica em Campo Alegre de Lourdes, e Vila Baluarte, localizada em Pilão Arcado. Os focos atingiram ainda Baixão do Jacu, Bandeira de Baixo, Grandeza e Vista da Lagoa, que ficam entre as duas cidades.
Na última terça-feira (24), o Corpo de Bombeiros informou que a estimativa dos bombeiros é que ao menos dois mil hectares de vegetação foram atingidos em Baluarte e Peixes.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário