Prefeito Augusto Castro assume compromisso com a inovação em Itabuna

Por meio de Carta Aberta publicada no site oficial da Prefeitura de Itabuna, o prefeito Augusto Castro assume o compromisso público de desenvolver a inovação no município. No documento, em que é ressaltada a importância da implantação de políticas públicas de inovação na Administração pública, ele chama a atenção para a necessidade de tomada de decisões mais assertivas.
“Estamos reunindo uma rede de pensadores, para discutir a cidade com o apoio das Universidades, governos, entidades, empresários e terceiro setor. Queremos acertar desde o início, encontrando uma forma para conjugar as necessidades cotidianas com o planejamento do futuro”, comenta o prefeito.
O secretário municipal de Gestão e Inovação, José Alberto de Lima Filho, reforça que para atingir esse objetivo é preciso inovar nas políticas e na profissionalização da gestão pública. Ele lembra que o 1º Fórum Itabunense de Inovação, realizado em junho passado, no Teatro Candinha Dórea, foi uma das primeiras ações deste compromisso da gestão Augusto Castro com a inovação.
O evento, que reuniu especialistas em ciência, tecnologia, ecossistemas e representantes de organizações internacionais, foi o primeiro passo das discussões sobre a política de inovação do município, em que foi ressaltada a importância da inovação, tanto tecnológica como de conceitos e ferramentas de gestão e viabilização de negócios.
A educação é pontuada como o primeiro passo para ingressar com sucesso no universo digital. Também a política e a elaboração de Lei Municipal de Inovação, Ciência e Tecnologia, cujo projeto será enviado à deliberação da Câmara de Vereadores, e a criação de um Centro de Inovação, seja com investimentos diretos ou a partir da facilitação de oportunidades de acesso ao crédito para as start-ups, empresas e profissionais ligados às áreas de inovação, ciência e tecnologia digital.
“Vamos trabalhar ao longo da gestão com 10 eixos considerados principais para a implantação da política de inovação, levando em conta uma maior integração de tecnologias, sistemas, informação e infraestrutura, em três níveis de políticas urbanas: setorial (entre áreas e setores urbanos), horizontal (entre cidades circunvizinhas) e vertical (entre as esferas governamentais municipal, estadual, federal)”, diz o secretário de Gestão e Inovação.
Ele finaliza, reforçando que a intenção é somar forças para a construção de uma cultura e um ambiente propício ao surgimento da comunidade de inovação, com políticas de fomento ao empreendedorismo e programas específicos para a atração e desenvolvimento de centros de pesquisa, polos de tecnologia, entre outros, visando consolidar Itabuna como polo de empreendedorismo tecnológico e de ambiente favorável à inovação.

Ascom - Prefeitura de Itabuna

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário