ILHÉUS: VEREADORES APROVAM DOAÇÃO DE TERRENO NA SOARES LOPES PARA CONSTRUÇÃO DE FÓRUM

Autor desta imagem aérea, o ex-vice-prefeito José Nazal considera a decisão um erro histórico do governo Mário Alexandre

A Câmara de Vereadores aprovou, em votação ocorrida na quarta-feira (14), que a Prefeitura de Ilhéus conceda o direto de uso de área da Avenida Soares Lopes para a que o Tribunal de Justiça do Estado construa um novo fórum. O prédio atual do Fórum Epaminondas Berbert de Castro fica na Avenida Osvaldo Cruz, no bairro Cidade Nova.
A a cessão do chamado direito real de uso foi proposta pelo governo Mário Alexandre e aprovada pela maioria dos parlamentares presentes. Apenas os vereadores Augusto Cardoso, Augustão, e Enilda Mendonça, ambos do Partido dos Trabalhadores, votaram contra o projeto. O terceiro membro do bloco da minoria opositora, vereador Cláudio Magalhães (PC do B), não participou da votação. O presidente Jerbson Moraes (PSD também não estava presente.
Aliado do prefeito Mário Alexandre, Marão (PSD), o vereador Nerival Reis (PSL) disse que considera a escolha do local equivocada, mas votou a favor do projeto para seguir a orientação do governo.

Clique aqui para ver as dimensões e a localização do terreno.

PARA NAZAL, ESCOLHA DE TERRENO NA AVENIDA É ERRO HISTÓRICO

O fotógrafo e escritor José Nazal (Rede), ex-vice-prefeito de Ilhéus, classificou a escolha do local como demonstração da pequenez de visão do governo. Para ele, não cabe à Prefeitura de Ilhéus a prerrogativa de conceder direito de uso da área de marinha.
Também mencionou que sente pena pelo destino da cidade, acrescentando que considera vergonhoso o fato de o Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA) ser o beneficiário da doação. “Penso ser um erro histórico. A história passará a limpo tudo isso”, vaticinou o memorialista. Atualizado às 22h13min.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário