Ex-prefeito de Camacã é sequestrado em sua fazenda e liberado quatro horas depois


Erivaldo Almeida Nunes, de 58 anos, ex-prefeito de Camacã, foi vítima de um sequestro relâmpago no final da tarde de segunda-feira (05). A vítima declarou ao site Radar 64, que o assalto ocorreu por volta das 16h, em sua fazenda, na zona rural de Camacã. Ele contou que foi rendido, juntamente com funcionários, por três bandidos armados e encapuzados. Dois trabalhadores chegaram a ser amarrados. Um conseguiu fugir, e quase foi baleado.
Por não encontrar nada de valor na fazenda, os criminosos decidiram levar o ex-prefeito em seu próprio carro até a sua residência na cidade de Camacã, onde roubaram mais de R$ 3 mil e uma arma. Os bandidos seguiram com Erivaldo pela BR-101, em direção a Eunápolis, onde foi abandonado junto com o carro nas proximidades da faculdade Unesulbahia.
A vítima contou que outros homens se aproximaram em um veículo e lavaram os comparsas em direção a Porto Seguro. O caso está sendo investigado pela Polícia Civil. Erivaldo foi prefeito de Camacã entre os anos 1997 a 2000 e 2001 a 2004. Além de fazenda, ele possui supermercados e um posto de combustível. *Com informações do Radar 64

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário