Itabuna: Secretária de Saúde participa de Sessão Especial da Câmara Municipal alusiva ao Dia da Imunização

Lívia Mendes participa de Sessão Especial na Câmara Municipal no Dia Nacional da Imunização

A secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, participou de Sessão Especial na Câmara de Vereadores de Itabuna, na tarde desta quinta-feira, dia 10. Presidida pelo vereador Solon Pinheiro, o tema Imunização esteve em debates em alusão à data, 9 de Junho, Dia Nacional da Imunização.
Na Sessão Especial foram discutidas questões sobre programas de imunização e prestados esclarecimento aos vereadores e aos presentes. A secretária detalhou a situação no município de modo geral, em especial, a vacinação contra a Covid-19. Foi pontuado também, a importância de dar atenção as demais vacinações, como a contra o vírus Influenza (gripe).
“Para além da vacinação contra a Covid-19, estamos realizando as demais vacinações nas Unidades de Saúde seguindo o Programa Nacional de Vacinação pelas manhãs. No período da tarde é realizada a vacinação contra o coronavírus” explicou a titular da Secretaria Municipal de Saúde.
Segundo ela, “estamos cumprindo as Resoluções da CIB e do Ministério da Saúde em relação à vacinação e escolha dos grupos prioritários para imunização contra a Covid-19. Logo, toda e qualquer decisão dos municípios da Bahia, precisa estar em concordância com as Resoluções e é isso que temos feito”, afirmou.
A Comissão de Intergestores Bipartite (CIB) representa os 417 municípios da Bahia mais o Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), os quais todos seguem as resoluções para realização das vacinações contra Covid-19. A CIB é composta pelos secretários de Saúde dos municípios da Bahia e é orientada pelas demandas e diretrizes do Governo do Estado e da Sesab.
A escolha dos grupos prioritários, acrescentou, segue critérios técnicos de vulnerabilidade e exposição. Logo, a secretária reafirma: “Estamos atendendo essas classes que são colocadas em resolução pela mesa diretora da CIB”, ressaltou.
Em sua última Resolução, a CIB evidenciou a necessidade de seguir o critério de idade. Abaixo dos 18 anos não há pesquisas relacionadas, então não há ainda autorização da Anvisa para vacinação de adolescentes e crianças. Os demais subgrupos serão escalonados por ordem decrescente de idade, conforme a prioridade estabelecida pela comissão.

Departamento de Comunicação Social
Foto: Pedro Augusto

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário