Justiça arquiva processo contra Felipe Neto por corrupção de menores

A Justiça do Rio de Janeiro arquivou o processo contra o youtuber Felipe Neto por corrupção de menores. A decisão foi acatada pela juíza Daniella Alvarez Prado, da 35ª Vara Criminal, por recomendação do MP-RJ (Ministério Público do Rio de Janeiro) na última quarta-feira (2).
Neto foi indiciado pelo crime em novembro de 2020 pela Delegacia de Repressão a Crimes de Informática, por não ter limitado a classificação etária de vídeos seus com conteúdo e linguajar inapropriado para menores.
A DRCI foi a mesma que intimou o empresário em março deste ano a depor por ter chamado o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de “genocida”.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário