MORADORA DE ILHÉUS RECLAMA DE FALTA DE INFORMAÇÃO SOBRE 2ª DOSE DA CORONAVAC

Para moradora da zona norte, Sesau divulgou falta de vacinas de forma ampla; secretário responde

Por volta das 6 horas desta terça-feira (4), uma senhora de 62 anos tomou seu lugar na fila da vacina no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) do Savóia, na zona norte de Ilhéus. Estava marcada para hoje a aplicação da sua 2ª dose da Coronavac, mas, segundo ela, foi só às 7h30 que as pessoas da fila foram informadas sobre a falta de doses da vacina chinesa.
Conforme a mulher, que procurou o PIMENTA para reclamar da fila inútil, o episódio é consequência de “total desrespeito da Prefeitura de Ilhéus à população idosa que hoje receberia a segunda dose da Coronavac”.
“As pessoas se aglomeravam em filas desnecessárias desde 6 horas da manhã para apenas às 7:30h serem comunicadas que não tinha vacina. Por que este aviso não foi dado pela imprensa evitando o deslocamento e aglomerações da população idosa? Para que esta notícia não chegue à imprensa?”, questionou.
O PIMENTA levou o questionamento da moradora da zona norte ao secretário de Saúde de Ilhéus, Geraldo Magela. Ele respondeu que foi dada ampla divulgação à falta de doses para o reforço da imunização da Coronavac. E nos enviou link de nota divulgada hoje pela Prefeitura.
“A Secretaria Municipal de Saúde (Sesau) informa que a aplicação da 2ª dose da CoronaVac continua suspensa em Ilhéus. De acordo com a pasta, o município não recebeu até o momento quantitativo suficiente do imunizante, voltado ao reforço da vacinação. A Sesau reitera que a estratégia será retomada conforme a entrega de novas remessas. Os dias, horários e pontos de vacinação serão divulgados previamente, por meio dos canais oficiais da Prefeitura”, diz a nota publicada às 8 horas.
Antes, na terça-feira (27) da semana passada, outra nota da Sesau informou que o município aguardava nova remessa da Coronavac para retomar a aplicação da 2º dose.
A falta de doses da Coronavac para o reforço da imunização se deve ao atraso do cronograma de entregas do Ministério da Saúde e afeta todo o país. Antes do atraso, a pasta recomendou o uso de vacinas reservadas para a 2ª dose. Sem a reserva, faltam lotes para as pessoas que tomaram a primeira dose da vacina no início de abril.

60 ANOS

Também perguntamos ao secretário quando será retomada a imunização de idosos de 60 anos ou mais contra a Covid-19. “O repasse dos acima de 60 anos ocorrerá na próxima sexta feira [7], no Drive Thru do Centro de Convenções e do Pontal”, respondeu Magela. 
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário