Kiko Cigano volta a aprontar e é acusado de roubar Iphone na fronteira com o Paraguai

Conhecido em Itabuna e região como "Falso Dentista" e pelos crimes que cometeu há alguns anos, Paulo Enrico Almeida Melo Santos, 39 anos, popularmente conhecido como Kiko Cigano, voltou a aprontar, desta vez, em Foz do Iguaçu, cidade paranaense fronteiriça com o Paraguai e com a Argentina.
Por lá, Kiko é acusado de roubar um aparelho celular Iphone avaliado em R$ 11 mil, além da quantia de R$ 2.2 mil, e a vítima, uma jovem potiguar que reside no Paraná, postou na rede social Instagram (@miss.costa), a denúncia, e pede ajuda para localizar Kiko Cigano. Não há mais detalhes sobre as circunstâncias em que o crime foi cometido. A equipe de produção do Verdinho Itabuna tentou contato com a vítima, mas não obteve retorno até o fechamento dessa matéria. Caso novas informações surjam, serão publicadas neste blog.
Preso em setembro de 2019, e novamente em fevereiro de 2020, Kiko ficou conhecido por se passar por dentista, quando ainda era apenas estudante da profissão, e atuando de modo irregular, causar danos físicos gravíssimos em mais de 80 pacientes de Itabuna e região, inclusive, em idosos. Ele atendia clandestinamente em uma clínica localizada na Av. Princesa Isabel, no bairro São Caetano em Itabuna. (Relembre aqui as prisões de Kiko Cigano).
Contudo, pouco tempo depois, ele deixou a prisão, de acordo com a justiça, em decorrência da pandemia. (Kiko Cigano deixa o presídio de Itabuna).
Novamente posto em liberdade, ele continuou a aprontar, e conforme a denúncia da mulher em Foz do Iguaçu, ele continua se passando por dentista.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário