Apreensão em Itabuna tira das prateleiras 200 quilos de carnes e leites estragados

Fiscais da Divisão de Vigilância da Secretaria Municipal de Saúde da Prefeitura de Itabuna apreenderam no final da tarde de sexta-feira, dia 14, no Bairro João Soares, mais de 200 quilos de carne e caixas de leite UHT impróprios para ao consumo humano. Uma denúncia anônima foi apresentada à Coordenação da Divisão de Vigilância da Saúde por um consumidor que se sentiu lesado.
Para recolher os alimentos estragados ou com data de validade expirada do ponto de venda, foi necessário à equipe de fiscalização acionar guarnições da ROMU da Guarda Civil Municipal e do 15º Batalhão de Polícia Militar. De acordo com a diretora da Divisão de Vigilância da Saúde, Maristela Antunes, casos de exposição de produtos inapropriados à venda são denunciados diariamente, o que reforça a fiscalização da Vigilância Sanitária.
Nos últimos meses, a fiscalização encontrou carnes bovinas, suínas e de frango e embutidos em caixas plásticas estragadas, bandejas enferrujadas e embalagens sujas, com graves riscos para a saúde da população. Os produtos apreendidos são retirados de circulação por veículos da Secretaria Municipal de Saúde e descartados no aterro sanitário.
Donos de estabelecimentos onde há registro de venda de alimentos estragados ou com prazo expirada são autuados, respondem processo administrativo com multa e suspensão do alvará. Nestes casos, só podem reabrir o estabelecimento depois de cumprir medidas indicadas pela Vigilância Sanitária.
A diretora da Vigilância da Saúde orienta os empresários fiscalizar balcões, gôndolas e frizeres e a data de fabricação dos produtos e a onsumidores verificar a data de validade para evitar o consumo de alimentos impróprios pelos riscos à saúde, a exemplo como a contaminação intoxicações e infecções causadas por bactérias como a Escherichia Coli e Salmonela sp, que causam dores abdominais, vômitos, calafrios, febre, diarreias e podem até levar à morte.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário