SUSPEITO DE MATAR DENTISTA, OFICIAL DA POLÍCIA MILITAR É PRESO NA BAHIA

Ana foi encontra morta com um tiro na nuca

O policial militar, Amauri Araújo, suspeito de matar a companheira, a dentista Ana Luiza Dompsi, de 25 anos, foi preso na quinta-feira (15) na cidade de Cândido Sales, no sudoeste da Bahia. A prisão foi feita por policiais do município de Pedra Azul, do estado de Minas Gerais.
A vítima, que era dentista, foi encontrada morta dentro de casa com um tiro na nuca na madrugada do dia 23 de março, no município de Divisa Alegre, localizado na divisa de Minas Gerais e Bahia. O policial estava com ela no local e contou que a dentista teria cometido suicídio com a arma dele.
Segundo informações da polícia mineira, havia um mandado de prisão preventiva em aberto para o suspeito desde 5 de abril. Ainda segundo informações da polícia de Minas Gerais, a morte de Ana Luiza era investigada como suicídio. No entanto, após investigações, análise de laudos técnicos e depoimentos, o caso passou a ser investigado como feminicídio.
Amauri Araújo é oficial da PM Baiana, lotado na 80ª Companhia Independente (CIPM/Cândido Sales). Ele foi encaminhado para custódia no Batalhão de Choque da Polícia Militar, em Salvador, e está à disposição da Justiça. Do G1.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário