Governo Federal atual é alvo de 709 denúncias de assédio institucional

A gestão do presidente Jair Bolsonaro já foi alvo de 709 denúncias de assédio institucional, que abrange ameaças, perseguições e constrangimentos a servidores públicos, segundo levantamento feito desde o ano passado pela Associação dos Servidores do Ipea (Afipea) e a Articulação Nacional das Carreiras para o Desenvolvimento Sustentável (Arca).
Segundo a classificação de pesquisa, o assédio institucional é feito por meio de regras administrativas ou declarações públicas, sendo semelhante ao assédio moral.
De acordo com a coluna de Guilherme Amado, na revista Época, a prática foi identificada com mais recorrência no Ministério da Defesa, com 22 denúncias; Fundação Nacional do Índio (Funai), com 11; e Ministério da Saúde, com sete registros.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário