A RENOVAÇÃO DA POLÍTICA PASSA PELO JOVEM, PELA INTERNET E PELAS MULHERES


ARTIGOS

A renovação política, senhores, passa pelos jovens, pela internet e pelas mulheres. E o grupo da direita sabia disso quando sugeriu Ana Paula para vice de Bruno Reis nas eleições de Salvador em 2020. E Rui Costa sabia disso quando sugeriu Major Denice como candidata, mesmo entendendo a pequena chance.

Manuela Berbert || manuelaberbert@yahoo.com.br

Não poderia começar esse texto sem citar que uma liderança escolhida erroneamente, se aproveitando da força da internet e de fake news disparadas pelo próprio grupo, pode destruir uma nação. Infelizmente, a pandemia revelou esse lado perverso da proposta de reciclagem política e isto é um fato, mas vou me ater a outros nomes e grupos. E seguir a pauta.
Aqui na Bahia, por exemplo, a renovação é nítida, ainda que alguns carreguem sobrenomes já conhecidos da população. Na coletiva de imprensa proposta pelo arrojado vice-prefeito de Itabuna, Enderson Guinho, na última terça-feira, Vinícius Ibrann disse governar Buerarema praticamente 100% com recursos próprios. De posse do microfone, com um discurso empolgante, sugeriu Rodrigo Hagge, atual prefeito de Itapetinga, para candidato a vice-governador nas próximas eleições, fazendo alusão à força da juventude e do interior. Personas que até herdaram a veia política dos pais, mas que já nem os citam mais como referência, afinal suas gestões engoliram as anteriores. (Com todo o respeito desta que vos escreve, claro!)
E aí, eu vou, neste contexto que insisto aqui, até Vitória da Conquista, onde, por uma fatalidade do destino, a vice Sheila Lemos Andrade tornou-se prefeita. Contrariando quem achava que ficaria apática, três dias após a posse moveu todo o tabuleiro do jogo local, se consolidando como liderança de personalidade daquela região. Vou a Eunápolis e cito Cordélia Torres, que, embora tenha ao lado o marido Dapé, velho conhecido do meio, chegou chegando e imprimindo uma gestão humanizada e muito próxima da população.
A renovação política, senhores, passa pelos jovens, pela internet e pelas mulheres. E o grupo da direita sabia disso quando sugeriu Ana Paula para vice de Bruno Reis nas eleições de Salvador em 2020. E Rui Costa sabia disso quando sugeriu Major Denice como candidata, mesmo entendendo a pequena chance. Como sabia quando ligou para o então prefeito de Itabuna, Fernando Gomes, em 2020, e disse “a sua vice está dentro de casa”. Numa tentativa de reverter a situação, ele teria sugerido Elaine Carletto, sua vizinha, que sequer sabia da jogada. Rui insistiu, de outra forma: “Fernando, a sua candidata está dentro de casa!”. Sandra Neilma, que aparecia discretamente nas pesquisas, foi apagada pelo grupo, em um gesto de machismo que já não cabe mais.

E o restante da história a gente já conhece…

Manuela Berbert é publicitária.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário