Vacina de Oxford/AstraZeneca é eficaz contra variante de Manaus, indica estudo

Um estudo que está sendo feito pela Universidade de Oxford indica que sua vacina contra a Covid-19, produzida em parceria com a AstraZeneca, induz uma resposta adequada à variante do coronavírus identificada em Manaus. A informação foi obtida pela agência Reuters, por meio de uma fonte com conhecimento no tema. Pesquisadores brasileiros envolvidos no estudo confirmaram.
A variante de Manaus, conhecida como P1, vem sendo apontada como um dos fatores que levaram ao recrudescimento da pandemia de Covid-19 no Brasil por ter se mostrado mais transmissível que cepas anteriores do coronavírus.
De acordo com a fonte, os dados preliminares do estudo, realizado após envio de amostras pela Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), apontam, até o momento, que não será necessário fazer adaptações à vacina para que ela proteja contra a variante brasileira e acrescentou que os resultados definitivos do estudo devem sair "muito em breve", possivelmente ainda no mês de março.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário