PREFEITO DE SALVADOR PEDE AUTORIZAÇÃO DE VEREADORES PARA CONSÓRCIO DA VACINA CONTRA A COVID-19

Bruno Reis espera autorização para comprar vacina contra a Covid-19

O projeto de lei que autoriza o ingresso de Salvador no consórcio público municipal, organizado pela Frente Nacional de Prefeitos (FNP) para compra de doses da vacina contra a Covid-19, foi encaminhado pelo prefeito Bruno Reis à Câmara de Vereadores na segunda-feira (8).
O prefeito destacou que o ingresso de Salvador neste consórcio facilitará a compra dos imunizantes em grande quantidade pelos municípios, já que o governo federal tem apresentado dificuldades na aquisição das doses. “Estamos pedindo autorização que possamos ter condições de adquirir vacinas de forma própria pelos municípios e, assim, ampliar o processo de vacinação em Salvador”, declarou Bruno Reis.
O prefeito informou que todos os municípios estão passando pelo mesmo processo de aprovação da iniciativa pelas respectivas casas legislativas. Ele ainda fez um apelo para que o projeto possa ser apreciado o mais rápido possível, já que a montagem do consórcio está prevista para o próximo dia 22.
“O investimento em vacina é a forma mais barata e eficaz de enfrentamento à Covid-19, mais até do que manter os benefícios sociais e as estruturas de saúde por muito tempo. Por mês, a Prefeitura tem investido mais de R$ 60 milhões para o combate à pandemia”, justificou.
O presidente da Câmara de Vereadores ressaltou que o projeto de lei está acima de questões partidárias e garantiu agilidade na votação. “Vamos dar prioridade à urgência urgentíssima e, em um prazo de 48h, vamos entregar esse presente à cidade, combatendo a pandemia, resgatando vidas e cuidando da vida das pessoas”, afirmou Geraldo Júnior.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário