Para Huck, governo Bolsonaro “foi cúmplice do vírus”

Apresentador acusou a gestão atual de ir na contramão da ciência e causar medo nas pessoas que veem o Brasil de fora

 apresentador Luciano Huck vem, nas últimas horas, criticando o governo Bolsonaro em seu Twitter. Na noite de sábado (20), Huck acusou a gestão atual de ser “cúmplice do vírus”, se referindo ao novo coronavírus.
Huck relembrou que “aos olhos do mundo, o Brasil sempre foi admirado pela felicidade do povo” e citou que essa visão não existe mais nos dias atuais. “Hoje causamos é medo”. Para o apresentador, o Brasil “vai na contramão do progresso com um governo que tripudiou da ciência e da vacina e foi cúmplice do vírus.”
Aos olhos do mundo, o Brasil sempre foi admirado pela felicidade do povo. Hj causamos é medo. Que tristeza! A CNN dos EUA nos vê como uma ameaça, um país na contramão do progresso com um governo que tripudiou da ciência e da vacina e foi cúmplice do vírus. https://t.co/aweMz5VIwI
Mais tarde, o global compartilhou um artigo publicado no jornal Folha de S.Paulo que traz opiniões sobre a pandemia. Huck separou os seguintes trechos: “A dor que não tem rosto dói menos nos que não a sentem na pele” e “Lavar as mãos com sabonete e manter distanciamento social não é só para quem quer. É para quem pode.”
Huck vem, nos últimos meses, dialogando com empresários e políticos sobre uma possível candidatura à presidência em 2022. O apresentador não confirma, mas não nega um embate com Bolsonaro e demais candidatos pela República.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário