Ministros de Bolsonaro dizem que ele jamais poderia orientar Kassio Nunes a votar contra Moro

Moro e Kássio Nunes. Foto: Wikimedia Commons/ConJur

Ministros de Jair Bolsonaro dizem que ele não poderia, jamais, tentar orientar o ministro do STF Kassio Nunes a votar contra Sergio Moro na ação de suspeição movida contra ele por Lula. A informação é da coluna de Mônica Bergamo, do jornal Folha de São Paulo.
Conforme a publicação, eles afirmam que não se tratava de medo de enfrentar o petista nas eleições presidenciais —a suspeição de Moro anulou o processo e facilitou a Lula estar elegível em 2022. Mas sim de sair como algoz de Moro. O voto de Nunes teria esvaziado discurso.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário