Federação Paulista terá reunião na segunda com Governo de SP e MP para discutir calendário

FPF discorda da decisão do governador João Dória e agora terá que reformular as datas, porém garante que o número de jogos não será afetado

Após o decreto do governador João Dória para que todas as atividades esportivas no estado de São Paulo sejam paralisadas após o dia 15 de março, a FPF (Federação Paulista de Futebol) se reuniu com os 16 clubes participantes do Campeonato Paulista 2021 para debater sobre o que será feito baseado na decisão do governo estadual.
Em defesa para a continuidade do futebol em São Paulo, a federação afirmou que todas as medidas protocolares que estão sendo feitas desde a volta dos campeonatos na metade de 2020 são de alta confiabilidade e que seguem as recomendações médicas, sem expor os atletas e profissionais dos clubes ao vírus da Covid-19, além de também lembrar que o futebol é mais do que um jogo e passa informações de segurança e educação sobre como lidar com a pandemia que vivemos.
Reforçando a segurança dos protocolos de segurança, a FPF comentou que mais de 35 mil testes já foram feitos desde o retorno das atividades em 2020 e afirmou que não há outro meio mais seguro para se trabalhar do que o meio esportivo no momento.
Na próxima segunda-feira (15), o Governo do Estado se reunirá com a Federação Paulista para discutir sobre o calendário esportivo dos clubes paulistas a partir desta pausa. As 16 equipes paulistas já notificaram que o formato do estadual seguirá o mesmo e a data da grande final também não sofrerá alterações, permanecendo em 23 de maio.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário