CAGED: BAHIA REGISTRA SALDO DE 15 MIL EMPREGOS COM CARTEIRA ASSINADA

Bahia registra saldo de mais de 15 mil empregos||Carol Garcia

A Bahia registrou saldo de 15.049 postos de trabalho com carteira assinada em janeiro. O resultado positivo decorre da diferença entre 56.838 contratações e 41.789 desligamentos. Divulgados na terça-feira (16), os dados são do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), da Secretaria de Trabalho do Ministério da Economia.
O secretário estadual do Planejamento, Walter Pinheiro, afirma que, apesar do contexto sanitário mundial atípico, da pandemia da Covid-19, a Bahia ocupou em janeiro a primeira posição em relação à geração de postos formais de trabalho dentre os estados nordestinos e a sétima nacionalmente.
“A Bahia já vinha apresentando saldos positivos seguidos de geração de emprego com carteira assinada desde julho de 2020. Este saldo de janeiro ultrapassou o resultado de dezembro, quando 502 postos de trabalho foram criados, sem as declarações fora do prazo”, ressalta Pinheiro.
O resultado também supera o de janeiro de 2020, quando 859 postos de trabalho foram criados. Todos os setores geraram postos no mês de janeiro de 2021: Informação, comunicação e outras atividades (+3.207 postos), Comércio (+3.175 postos), Indústria geral (+2.701 postos) e Construção (+2.469 postos).
Além de Alojamento e alimentação (+1.369 postos), Agricultura, pecuária, produção florestal, pesca e aquicultura (+1.069 postos), Outros serviços (+478 postos), Transporte, armazenagem e correio (+369 postos), Administração pública (+210 postos) e Serviços domésticos (+2 postos).

ANÁLISE REGIONAL

No primeiro mês do ano, no Nordeste, sete estados criaram posições de trabalho. A Bahia (+15.049 postos) liderou e foi acompanhada pelo Ceará (+7.872 postos), Rio Grande do Norte (+2.247 postos), Piauí (+1.624 postos), Pernambuco (+1.421 postos), Sergipe (+514 postos) e Maranhão (+65 postos).

Em contrapartida, Alagoas (-198 postos) e Paraíba (-174 postos) encerraram posições celetistas. De fevereiro de 2020 a janeiro de 2021, a Bahia (+5.223 postos) seguiu a tendência apresentada pela região nordestina (+60.490 postos) e pelo país (+254.900 postos).
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário