Banco Central aplica multa a marqueteiro contratado por Moro por bens no exterior

Dody Sirena, que também é empresário do cantor Roberto Carlos, diz que foi multado por ter atrasado a entrega de uma declaração
O Banco Central aplicou multa de R$ 25 mil ao marqueteiro Jorge Sirena Pereira por não ter declarado dentro do prazo bens e valores que mantinha no exterior.
Dody Sirena, como é conhecido, presta serviços há mais de 20 anos para o cantor Roberto Carlos e foi contratado por Sergio Moro após sua saída do Ministério da Justiça.
Sirena atuou na gestão de palestras corporativas e no lançamento de um livro do ex-juiz. Segundo o empresário, a multa foi por causa de um atraso na entrega de uma declaração e seus bens no exterior são todos declarados.
As informações foram publicadas neste domingo (28) pela coluna Painel, do jornal Folha de São Paulo.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário