Balconista que tentava vender item de intubação escasso é preso pela Polícia Federal

O balconista de uma farmácia que tentava vender por R$ 3,5 mil um kit-intubação para a família de um paciente internado com Covid-19 foi preso pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado de Roraima. A ação foi coordenada pela Polícia Federal.
A caixa com os materiais comercializados era composta por besilato de atracúrio. O medicamento é um bloqueador neuromuscular de venda restrita para hospitais e integra o kit-intubação, que anda em falta em todo o Brasil.
À polícia, o balconista confirmou a venda de uma caixa com 25 ampolas do bloqueador. O produto teria sido encomendado em Manaus, segundo informações da Folha de S.Paulo.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário