Alexandre Moraes concede prisão domiciliar para o deputado Daniel Silveira

O ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal, concedeu prisão domiciliar ao deputado federal Daniel Silveira (PSL). O bolsonarista, preso desde fevereiro após divulgar um vídeo com discurso de ódio e ataques aos ministros do STF, deverá usar tornozeleira eletrônica.
A decisão de Moraes proíbe o deputado de fazer publicações em suas redes sociais - mesmo que por meio de assessoria de imprensa -, além de receber visitas ou dar entrevistas sem prévia autorização judicial. O parlamentar também não pode ter qualquer forma de acesso ou contato com os investigados nos inquéritos dos atos antidemocráticos e das fake news.
Silveira, no entanto, poderá exercer o mandato parlamentar de sua própria residência, por meio do sistema eletrônico da Câmara.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário