Vítima de tentativa de latrocínio no Banco da Vitória reconhece Sheldon Leone como participante do crime

A esposa do comerciante Ademilson Pereira, de 46 anos, que está internado n o Hospital Regional Costa do Cacau, em Ilhéus, identificou Sheldon Leone como o responsável pelo tiro que seu esposo sofreu na tentativa de latrocínio ocorrida no bairro Banco da Vitória, em Ilhéus, na manhã da última quarta-feira (17). (Relembre aqui).
Na ocasião, Ademilson foi atingido nas axilas e perdeu R$ 30 mil no assalto. Sheldon teria cometido o crime em companhia de outras duas pessoas. A prisão de Sheldon foi feita por policiais da Base Comunitária do Monte Cristo, no condomínio Jardim Itabuna, que fica no bairro de Fátima, em Itabuna.
Foi descoberto que Sheldon é integrante da facção criminosa Raio A, a mais perigosa da região sul e extremo sul da Bahia. Ele será recambiado para Ilhéus, mas será investigado por crimes em Itabuna. a
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário