Traficante deixa presídio carioca com alvará de soltura falso

Considerado um dos maiores traficantes do Rio de Janeiro, João Filipe Barbieri, fez uso de um alvará de soltura falso para deixar a penitenciária de Bangu, onde estava preso desde 2017. 
O condenado enfrentava pena 27 anos de prisão por associação para o tráfico e tráfico internacional de armas. 
A Secretaria de Administração Penitenciária (Seap) confirmou para a TV Globo, a saída de João Barbieri da prisão em 18 de novembro de 2020, apenas três anos depois de começar a cumprir a pena.
Ele é enteado de Frederick Barbieri – considerado O Senhor das Armas e que está preso nos Estados Unidos. A pasta também informou que apura o caso. 
A denúncia de saída de João Filipe foi feita ao desembargador Marcelo Granado. O magistrado pediu explicações à Seap sobre as saídas dele e de outro criminoso. O órgão confirmou a saída dos dois. A Justiça Federal, contudo, não confirmou as decisões para soltá-los. O magistrado ordenou ainda as prisões dos dois.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário