Roma rebate demissão de aliado na Prefeitura lembrando que Azi é vice-líder de Bolsonaro

O novo ministro da Cidadania, João Roma

A decisão de ACM Neto, presidente nacional do DEM, de retaliar João Roma (Republicanos) demitindo seus aliados da Prefeitura depois que ele assumiu o ministério da Cidadania irritou o mais novo aliado do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).
Irônico, ele indagou a jornalistas que o procuraram para falar sobre o rompimento com ACM Neto porque o ex-prefeito não tomou a mesma atitude com aliados do deputado federal Paulo Azi (DEM), dos mais próximos ao democrata baiano, quando ele se tornou vice-líder do governo na Câmara dos Deputados.
‘São dois pesos e duas medidas’, teria dito o novo ministro, dando aquela famosa risadinha.


Política Livre
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário