Ônibus do Grupo Atlântico passam por vistoria antes de começarem a rodar em Itabuna

Os cinquenta veículos do grupo empresarial Atlântico Transportes que vão operar em Itabuna a partir desta quarta-feira (17), foram vistoriados na manhã desta terça-feira (16). Nas primeiras horas da manhã os ônibus ganharão as ruas com a tarifa a R$ 3,70. Uma equipe da Secretaria de Transporte e Trânsito (Settran), comandada pelo titular da pasta Thales Silva, vistoriou os veículos.
Itens como funcionamento do elevador de acesso para pessoas com deficiência, cinto de segurança, campainha e abertura e fechamento das portas foram alguns dos itens observados. Motoristas e cobradores participaram deste importante momento para os itabunenses.
Também foram convidados representantes de associações e entidades que atendem pessoas com limitações físicas e motoras, como a Associação Grapiúna de Paraplégico (AGP), a Associação de Assistência à Pessoa com Deficiência (APD), Fundação dos Deficientes do Sul da Bahia (Fundesb) e o Núcleo Cuidar. Cinco pontos, no centro da cidade, foram criteriosamente selecionados para o Sistema de Integração: Praça da Laura Conceição (Catedral); Beira Rio; Praça Otávio Mangabeira (Camacan); Centro Comercial e Avenida Amélia Amado.
O usuário poderá fazer o transbordo em até uma hora a partir do momento em que pagar a passagem. O serviço de transporte público por ônibus retorna no município após 11 meses de interrupção, por conta da pandemia do novo coronavírus.
O transporte coletivo retorna com carros novos e o mais importante: sem aumento da tarifa, que permanecerá em R$ 3,70. Para que o itabunense conheça a qualidade dos veículos que chegaram para rodar na cidade, depois de vistoriados alguns ônibus foram estacionados nas imediações do Centro Administrativo Firmino Alves e na Avenida Aziz Maron. Logo mais a tarde, com a presença do prefeito Augusto Castro, alguns veículos circularão pelos principais pontos da cidade.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário