MP-BA pede a gestores de Ibicuí, Iguaí e Nova Canaã que cumpram ordem de vacinação

Por Cláudia Cardozo / Francis Juliano

Foto: Reprodução / Iguaí Mix

Os prefeitos e secretários de saúde de Ibicuí, Iguaí e Nova Canaã, no Médio Rio de Contas, Sudoeste baiano, receberam recomendação do Ministério Público (MP-BA). O parque, em publicação desta segunda-feira (1°), pede que os gestores cumpram rigorosamente os critérios técnicos de prioridade na vacinação contra a Covid-19.
A solicitação foi feita pela promotora Solange Anatólio do Espírito Santo e visa combater a cultura de “furar-fila” e do “farinha pouca, meu pirão primeiro”, beneficiando moradores que não estejam inclusos nos grupos prioritários. Em caso de descumprimento do que é estabelecido na vacinação, o ato pode resultar em uma ação contra os gestores por improbidade administrativa – ato ilegal cometido por agente público. No pedido, a promotora lembrou a situação da pandemia no país, com mais de 220 mil mortos pela Covid-19 e o cenário de disponibilidade das vacinas.
A ordem de vacinados nessa primeira leva tem a seguinte linha: a) Equipes de vacinação envolvidas na vacinação dos grupos elencados; b) Trabalhadores de asilos e de residências Inclusivas; c) Trabalhadores dos serviços de saúde públicos e privados, tanto da urgência quanto da atenção básica, envolvidos diretamente na atenção/referência para casos suspeitos e confirmados de Covid-19; d) Demais trabalhadores de saúde.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário