ITACARÉ: PREFEITURA E INCRA DISCUTEM CRÉDITO HABITACIONAL PARA ASSENTAMENTOS


O crédito para construção e reforma de habitação em assentamentos do município de Itacaré foi tratado durante reunião de representantes da Prefeitura de Itacaré e do Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) em Salvador.
O evento teve a participação do vice-prefeito de Itacaré, Genilson Souza, do secretário municipal de Agricultura e Pesca, Luís Rodrigues, do presidente do Conselho Municipal de Desenvolvimento Rural Sustentável, José Ferreira Bubu, da coordenadora da Frente dos Trabalhadores Livres, Soraia Correia, e do representante da Câmara de Conciliação Agrária, Ciro Salomão Cedraz.
A iniciativa foi do prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, que destacou a necessidade de se garantir aos moradores dos assentamentos do municípios condições para uma moradia melhor, bem como o apoio para os projetos de infraestrutura, como a recuperação das estradas, construção de pontes e projetos de eletrificação rural, fundamentais para garantir o escoamento da produção.
Durante o encontro os representantes da Prefeitura de Itacaré falaram da importância dos assentamentos no município, que tem movimentado a economia, garantindo cada vez mais emprego e renda no campo. Mas para isso é preciso de apoio e uma melhor qualidade de vida para os moradores da zona rural.
Antônio de Anízio destacou que a Prefeitura de Itacaré vem realizando uma série de investimentos nas comunidades rurais e nos assentamentos, a exemplo da implantação de postos médicos, melhorias das estradas, ampliação dos serviços de internet comunitários e projetos de diversificação agrícola. Mas para que mais melhorias possam chegar à zona rural é preciso contar com o apoio e parcerias, daí a importância do INCRA na garantia desses créditos para habitação e reformas habitacionais, bem como nos muitos projetos que vem sendo desenvolvidos na área de infraestrutura.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário