Conselho de Ética instaura processo disciplinar que pode levar à cassação de Daniel Silveira


O Conselho de Ética da Câmara dos Deputados instaurou na tarde de terça-feira (23) um processo disciplinar para apurar a conduta do deputado bolsonarista Daniel Silveira (PSL-RJ), que pode terminar com a cassação do mandato dele. Silveira foi preso em flagrante no dia 16 após ter publicado um vídeo em que faz apologia à ditadura militar e ataca ministros do STF.
O presidente do colegiado, Juscelino Filho (DEM-MA), fez o sorteio da lista tríplice envolvendo os nomes dos deputados que compõem o Conselho de Ética. Professora Rosa Neide (PT-MT), Fernando Rodolfo (PL-PE) e Luiz Carlos (PSDB-AP). Desta lista sairá o relator do caso de Silveira. Como Daniel Silveira também é suplente do Conselho de Ética, ele foi afastado hoje do órgão.

Bahia Extra

Bahia Extra Comunicação a serviço do leitor!

0 Comentarios:

Postar um comentário