Trump deixará Casa Branca com pior aprovação de seu mandato


Presidente dos EUA, Donald Trump, durante evento em Dalton, Geórgia. 

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, deixará a Casa Branca na próxima quarta-feira, 20, com a pior taxa de aprovação de todo seu mandato. Segundo o centro de pesquisas Pew Research Center, o republicano tem atualmente o apoio de apenas 29% dos americanos.
Mesmo durante o primeiro processo de impeachment aberto em 2019 contra Trump por sua interferência na política ucraniana ou durante o escândalo da ingerência russa nas eleições de 2016, o presidente nunca havia visto sua aprovação ficar abaixo de 35%. Os últimos acontecimentos, porém, parecem ter tido maior impacto na opinião pública.
Trump foi acusado de incitar a invasão popular ao Capitólio na última semana, durante uma sessão para confirmar a vitória do presidente eleito Joe Biden. O episódio foi cercado de violência e deixou ao menos cinco mortes.
De acordo com a pesquisa do Pew Research Center, cerca de 75% da população acredita que Trump tem alguma responsabilidade pela violência de 6 de janeiro. Além disso, a parcela de seus apoiadores que descreveu sua conduta como “ruim” dobrou, de 10% para 20%, nos últimos dois meses.
Após a invasão, o Partido Democrata deu entrada em um segundo processo de impeachment contra o presidente. O pedido foi aprovado na Câmara dos Deputados na quarta-feira 14 e passou às mãos do Senado controlado pelos republicanos.
A Câmara Alta não deve julgar o caso antes do fim do mandato de Trump, mas a aprovação do processo pode acabar com qualquer chance de o magnata voltar a concorrer ao cargo nas próximas eleições. Ao todo, 17 dos 50 republicanos do Senado teriam que se juntar aos democratas para que o presidente seja afastado. A maioria dos senadores conservadores tem se mantido em silêncio em relação aos seus votos.
Caso Trump seja condenado, uma segunda votação deve ser realizada pelo Senado para decidir a cassação de seus direitos políticos. Nesse caso, é necessário apenas uma maioria simples para a aprovação da medida.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário