PF abre inquérito que investigará conduta de Pazuello na crise sanitária de Manaus

O inquérito que vai investigar a conduta do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, na gestão da crise sanitária de Manaus foi instaurado hoje (29) pela Polícia Federal (PF). A investigação foi solicitada pela Procuradoria Geral da República (PGR) e autorizada pelo Supremo Tribunal Federal (STF).
A investigação deve tramitar no Serviço de Inquéritos Especiais (Sinq) já que Pazuello, na condição de ministro, tem foro privilegiado. O próximo passo, agora que o inquérito já foi aberto, é a marcação do depoimento de Pazuello. Segundo avaliou o ministro do STF, Ricardo Lewandowski, relator da investigação, neste primeiro momento, Pazuello poderá marcar dia, horário e local para ser ouvido.
Para solicitar a investigação, a PGR alegou possível omissão do ministro da Saúde frente ao colapso na saúde pública no Amazonas. Pacientes morreram pela falta de oxigênio nos hospitais.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário