Atenção: Auxílio Emergencial pode ter novas parcelas pagas em 2021


O ministro da Economia Paulo Guedes deve propor o pagamento de novas parcelas do Auxílio Emergencial neste início de 2021. Quem garante é o deputado federal Baleia Rossi do MDB paulista, conforme aponta o jornal O Estado de S.Paulo nesta terça-feira, dia 19 de janeiro.
A cogitação de uma possível volta do benefício que começou a ser pago no início da pandemia do novo coronavírus foi dada pelo também deputado federal Arthur Lira do PP alagoano, de acordo com Rossi.
Para Rossi, os comentários favoráveis ao retorno do auxílio, pelo seu concorrente à presidência da Câmara, só surgiram a partir da aprovação do governo federal, por quem Lira tem apoio.
Na segunda-feira, 18 de janeiro, o deputado alagoano mencionou a possibilidade de prorrogação do Auxílio Emergencial por um ou dois meses, durante coletiva, caso seja respeitado o teto de gastos. Ele ainda afirmou que isso precisa ser feito com o Orçamento aprovado, após a Eleição na Câmara, marcada para o próximo dia primeiro.
Ainda segundo Lira, é necessário elaborar uma Proposta de Emenda Constitucional, PEC emergencial, apresentando uma série de medidas de ajustes para custear a volta do auxílio. Uma das sugestões dadas pelo deputado é o corte de gastos com os então servidores.
No entanto, a publicação afirma que a equipe de Paulo Guedes terá dificuldade para encontrar uma forma de financiar as novas parcelas do benefício dentro do Orçamento, surgindo como alternativa a edição de uma medida provisória, MP.
Criado com o objetivo de amenizar os efeitos econômicos durante a pandemia, o auxílio teve o pagamento encerrado em dezembro.
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário