Menino de 11 anos morre após atirar em si mesmo durante aula online

Família diz que disparo foi acidental.

Um menino de 11 anos morreu após disparar um tiro em si mesmo durante uma aula online. Adan Llanos foi encontrado ferido por sua irmã e foi levado ao hospital, mas faleceu no local ao lado de seus pais. O caso aconteceu, na Califórnia (EUA).
Segundo a polícia local, o menino estava com o áudio e o vídeo desligados no momento da tragédia. O tiro foi ouvido por sua irmã, que o socorreu.
Os agentes do condado de San Joaquin investigam o caso, a família diz que não houve suicídio e que o disparo foi acidental.
"Pedimos a todos que se abstenham de qualquer especulação e se virem quaisquer comentários, peça-lhes educadamente que digam apenas coisas positivas. Ele não era suicida", disse o tio do menino, Luis Llano, em uma rede social.
"Foi um acidente estranho e nosso sobrinho era uma criança feliz. Neste momento, ver esses comentários é o que mais magoa a família e posso usar toda a ajuda que puder obter com isso”, completou ainda Stephanie, tia do rapaz.
A escola onde o menino estudava também prestou apoio para a família. "Nossos pensamentos estão com a família afetada por esta terrível tragédia. Também oferecemos nossas condolências à comunidade Woodbridge Elementary”, escreveu em nota a instituição. Com informações do site redetv
Compartilhar no Google Plus

Sobre Bahia Extra

Melhor Site de Notícias da Bahia. Direção Erasmo Barbosa.

0 comentários:

Postar um comentário